Um novo olhar: Perfeição x Procrastinação…

feito é melhor que perfeito

Eu sei… Estou há quase 4 meses sem aparecer por aqui… Podem brigar comigo, eu mereço uns puxões de orelha mesmo…rs

Aqueles que me conhecem já sabem da novidade: ESTOU GRÁVIDA!!!! 🙂 Não é maravilhoso??? Meu esposo e eu planejamos cada detalhe, e Nosso Pai, graciosamente como sempre, nos concedeu esse lindo presente logo na primeira tentativa!!! Tem como não amar um Pai como esse????

Bom, tirando as desculpas comuns da gravidez como enjoos, dor de cabeça, muito sono, etc., etc., etc., tive mais uma razão para ficar tanto tempo sem escrever: sou perfeccionista! Feio, não é? Sim, reconheço que esse é um dos meus defeitos… E é justamente sobre isso que eu gostaria de falar hoje. Talvez eu seja a única por aqui, mas há uma grande chance de haver mais pessoas como eu, por isso decidi escrever… “Bóra” refletir então? 😉

Desde que eu tenho lembrança sou perfeccionista em tudo. Esclarecendo: sou perfeccionista, não perfeita, aliás, tenho muitos outros defeitos, assim como os demais seres humanos! 😉 Em minhas constantes auto-análises consegui identificar algumas possíveis razões para isso, mas hoje elas não vêm ao caso…rs É certo que meu perfeccionismo já foi pior, algo do tipo doentio mesmo! Até que em um dado momento, comecei a perceber que aquilo não era normal e estava me fazendo mal. Numa tentativa de me rebelar (contra mim mesma…rs), eu deixava minha cama sem arrumar pela manhã, mas para não ter que olhar para ela “naquela situação”, fechava a porta do quarto, e claro, na hora de dormir a arrumava antes de deitar… Sentiu o grau de loucura? E esse é só um dos exemplos…hehe

Além das questões práticas do dia a dia, também sofri muito com os trabalhos da faculdade e outras atividades do tipo. Sempre tive uma dificuldade tremenda para organizar minhas idéias a ponto de transformá-las em texto, e creio que meu perfeccionismo na maioria das vezes esteve por trás disso…

Longe de ser uma grande escritora (sou apenas uma humilde blogueira que escreve sobre assuntos não muito populares), no caso do Olhar de Filha especificamente, sempre procuro dar o meu melhor para os leitores que me acompanham e especialmente para o Meu Pai, que desde o princípio tem sido minha maior Inspiração tanto na criação, como na manutenção dessa página. Mas infelizmente, graças a esse meu “defeito”, eu não sou capaz de manter um blog com postagens diárias (se bem que ultimamente nem mensais… Mas prometo que vou me esforçar para melhorar!!!rs).

Embora eu tenha mudado bastante, até hoje não consigo dar o meu melhor sem ser exageradamente “encanada” e também “encalhada”! Meu amado esposo sabe quantas vezes eu corrijo meus textos antes e depois de postados… Se eu ler o mesmo texto todos os dias, ele será “corrigido”, “melhorado”, “aperfeiçoado” todos os dias!!! O problema maior é que nem sempre meus inúmeros rascunhos chegam a ser postados, pois se me sinto insegura com relação a algo que escrevi para postar aqui, eu simplesmente não posto e pronto! 😦

Estou lhe contando tudo isso por que essa situação, aliada à frustração de ter ficado tanto tempo sem produzir, me levou a refletir… Nós perfeccionistas temos uma tendência enorme para a procrastinação!

Ocorre mais ou menos assim: uma tarefa precisa ser realizada, mas não é qualquer tarefa, algo que você faz no piloto automático, é algo que te desafia. Ou seja, já entrou para a categoria das “se não ficar perfeito eu morro”!!! Você tem todas as idéias e ferramentas, mas o medo de fracassar, de não satisfazer às suas próprias (ou às de outros) expectativas faz com que você trave (igual ao burro quando “empaca” sabe?), e acabe não fazendo nada, até se sentir seguro(a) novamente para tal!

E aí, se identificou? Não? Que ótimo, você é uma pessoa normal!!! 🙂

Sim? 😦 Então, bem vindo(a) ao time dos perfeitamente malucos…hahaha Sem querer ofender, tá? 😉

Espera aí, não precisa se desesperar! 🙂 Uma das lições que aprendi com Meu Pai foi que sempre há uma boa notícia! E a boa notícia para nós é: Está tudo bem se não formos perfeitos!!! 

Se o seu mínimo é o máximo que você pode oferecer hoje, antes isso do que nada, certo? O mundo não irá acabar, a empresa não irá desmoronar, sua casa não irá apodrecer, seus professores não irão te matar!!!

Se você for paciente consigo mesmo(a), com suas limitações, e com as circunstâncias de sua vida atual, dar um pouquinho de si todos os dias não será algo tão martirizante, pelo contrário, tal atitude lhe dará a confiança necessária para que, muito em breve (ou tão logo as circunstâncias mudem), o “muito” e até mesmo o “perfeito” sejam possíveis sem neuras ou frustrações!

A Bíblia tem um exemplo interessante a esse respeito, a história de Marta e Maria, conhece? O relato completo você encontra no livro de Lucas, cap. 10, versículos 38-42. Em poucas palavras, Marta era do tipo perfeccionista, tudo deveria estar perfeitamente limpo e bem feito para receberem a visita de Jesus. Já Maria era do tipo mais tranquila. Confesso que quando li essa história pela primeira vez, eu achei a tal Maria meio preguiçosa…rs Mas depois, meditando melhor nas palavras de Jesus sobre as duas, eu compreendi!!! Marta se sobrecarregava demais com coisas passageiras, Maria não, Maria sabia aproveitar aquilo que realmente importava, nesse caso, a companhia do Salvador! Veja como Jesus definiu a postura de cada uma delas:

“Respondeu-lhe o Senhor: Marta! Marta! Andas inquieta e te preocupas com muitas coisas. Entretanto, pouco é necessário ou mesmo uma só coisa; Maria, pois, escolheu a boa parte, e esta não lhe será tirada.” (Lucas 10:41-42)

Viu só (e isso vale para mim também!)??? Palavras do Nosso Mestre: “Pouco é necessário”! Mas devemos escolher sempre a melhor parte, aquela que verdadeiramente dará sentido à nossa vida!!!

Resumindo: faça um pouco de cada vez (não, não precisa terminar tudo hoje e para isso ficar sem comer, dormir ou dar atenção àqueles a quem ama!), e vá para a cama com a consciência tranquila! Só não vale deixar tudo para a última hora, combinado? 😉

Para nunca mais esquecer:

O possível, sempre! O perfeito, somente se for possível! 😉

Não é fácil, eu sei… Mas se pedirmos, Nosso Pai terá prazer em nos ajudar a vivermos nossa vida de maneira mais sábia e perfeita. Não perfeita aos nossos olhos, claro, mas aos dEle!

Eu quero aprender a ser perfeita aos Olhos do Meu Pai, e você? 😉

“Se algum de vocês tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá livremente, de boa vontade; e lhe será concedida.” (Tiago 1:5)

No mais,

Carpe Diem

Anúncios

10 pensamentos sobre “Um novo olhar: Perfeição x Procrastinação…

  1. Querida, que texto lindo e que belos lembretes para a nossa vida! Coincidentemente estou lendo um livro – “Jesus, o maior líder que já existiu”, de Laurie Beth Jones, pela Editora Sextante, e ontem à noite, na página 68, li o seguinte: “A tentação de fazer tudo perfeito e de uma vez leva à procrastinação, à inatividade ou à paralisia total.”
    É sempre bom estarmos atentos às verdadeiras razões pelas quais fazemos – ou deixamos de fazer – tudo o que fazemos, pois a busca pela perfeição pode, de fato, nos levar à procrastinação!
    Beijo no coração, Evelyn, e obrigada por me ensinar / relembrar coisas tão lindas e necessárias!

    • Maluuuu!!! Estou arrepiada aqui!!!! Como pode, né? Te juro q nunca li esse livro!rs Só falei da minha experiencia p ver se consigo aprender a mudar isso em mim…rs Obrigada por seu constante apoio e presença! Tenha um lindo dia com Jesus!!! 🙂

  2. Evelyn!
    Você me inspirou muito com seu texto! Você me conhece e sabe que eu não sou muito perfeccionista, mas estava tendo um comportamento assim nos últimos tempos. Especialmente com relação ao meu blog. Estou inspirada a recomeçar agora. Obrigada! Beijo grande!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s